“Once On This Island” ganha montagem brasileira

Musical que atualmente tem revival em cartaz na Broadway chega ao Brasil com produção de Caio Loki.

A temporada 2018 de musicais na Broadway está recheada de grandes remontagens como “My Fair Lady” e “Carousel” mas, com toda certeza, um dos favoritos para o Tony nas categorias de revival é o “Once On This Island”, que irá ganhar uma montagem brasileira em breve.

O MUSICAL

04onceisland1-superjumbo

Foto: Sara Krulwich/The New York Times

O musical de apenas um ato teve sua montagem original em 1990 na Broadway e desde então passou pelo West End, Porto Rico e recentemente em uma montagem dirigida por Rafael de Casto em São Paulo. É baseado em “My Love, My Love”/”The Peasant Girl” de Rosa Guy e inclui elementos de clássicos como “Romeu e Julieta” e “A Pequena Sereia”.

Com book e as letras de Lynn Ahrens e música de Stephen Flaherty, o musical conta a história de uma menina camponesa, Ti Moune, que salva um menino rico do outro lado de uma ilha do Caribe, Daniel. Eles se apaixonam, mas o menino deve se casar dentro de sua própria classe social. Outros conflitos impedem que eles fiquem juntos e apenas Erzulie, a Deusa do Amor apoia o casal.

A montagem original recebeu 8 indicações ao Tony Awards. Já a montagem original no West End ganhou o Olivier Award de Melhor Novo Musical. A estreia do revival atualmente em cartaz na Broadway aconteceu em dezembro de 2017 e conta com grandes estrelas no elenco, como Lea Salonga (de “Miss Saigon”) e Alex Newell (de “Glee”).

EM BREVE NO BRASIL

O produtor Caio Loki (que já produziu e integrou o elenco do Off-Broadway “Ordinary Days”, clique aqui para ver alguns trechos do espetáculo) recentemente esteve em Nova York para negociar os direitos da peça com o MTI. O produtor também assistiu ao revival em cartaz na Broadway, o que foi a cereja do bolo para adquirir os direitos do espetáculo para uma montagem brasileira, que tem previsão de estreia para março de 2019 no Rio de Janeiro. Ele tem planos de levar o musical para São Paulo.

“Eu sempre amei esse musical – na verdade foi a minha primeira experiência com Teatro Musical. A gente montou na escola quando eu tinha 11 anos. Além disso, é uma fábula, um conto de fadas, mas que é reinterpretado pra falar de questões sociais e raciais e ainda tem um elemento mitológico, que no original vem da religião Vudu Caribenha, que tem uma relação forte com o nosso Candomblé e as religiões afrobrasileiras no geral. Queria trazer essas referencias pra versão brasileira, junto com o arranjo que vai juntar o Calypso Caribenho do original com os nossos ritmos tipicamente brasileiros”, falou Caio sobre as motivações para adquirir os direitos e montar o espetáculo no Brasil.

O projeto ainda contará com colaboração do Dr David Johnson, que tem vasta experiência ensinando teatro e dirigindo produções no Reino Unido e pelo mundo. Seu primeiro contato com “Once On This Island” foi enquanto trabalhava em Londres com a Talawa Theatre Company – a principal companhia negra de Teatro da Europa, de onde fez parte do conselho que resultou no seu primeiro trabalho contemporâneo com artistas negros no Reino Unido. Junto com essa companhia ele também faz parte do projeto Blackgrounds. Ele viveu no Rio de Janeiro entre 2001 e 2004, onde criou e dirigiu a The Botafogo English Speaking Threatre (B.E.S.T.), onde realizou oficinas de atuação em todo o estado do Rio junto a Cultura Inglesa e ensinou Teatro em Dona Marta e na British School Of Rio, onde ele conheceu Caio.

O produtor ainda revelou que já tem junto ao time nomes de peso para os figurinos e para as versões da montagem e que serão revelados em breve.

Uma característica que o produtor pretende trazer para a montagem brasileira é a de um elenco inteiramente negro: “Vai ser um elenco 100% negro, o que eu considero uma necessidade nesse momento no país. Nenhum país melhor que o brasil pra montar um espetáculo da Broadway desse porte e que foi escrito com um elenco negro em mente.”

“Outro ponto importante que eu quero trazer da montagem atual da Broadway é a não-necessidade de se ater aos gêneros originais dos personagens. O deus da morte, Papa Ge, virou uma mulher nessa ultima montagem e a deusa da natureza, Asaka, é interpretada pelo Alex Newell, de Glee. Quero de alguma forma manter essas mudanças na versão brasileira.”, disse Caio Loki sobre um dos elementos mais interessantes do revival.

94797-13

Os Deuses do revival de “Once On This Island” em cartaz na Broadway. Foto: Broadway.com

Veja uma apresentação de Alex como Asaka no Late Night With Seth Meyers:

 

Na mais recente edição do Musical Cast, Caio falou um pouco mais sobre o espetáculo, a importância da escalação de um elenco 100% negro para este espetáculo e o que podemos esperar de sua montagem, você pode ouvir clicando aqui.

Veja abaixo alguns trechos do revival em cartaz na Broadway:

 

 

 

Veja também a apresentação do elenco no Macy’s Thanksgiving Day Parade 2017:

 

 

Um comentário sobre ““Once On This Island” ganha montagem brasileira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s